segunda-feira, 14 de agosto de 2017

No caso de você ter se esquecido como merece ser tratado:



Você merece que alguém o trate bem o tempo todo.
Você merece respostas às suas mensagens.
Você merece telefonemas apenas para saber como está.
Você merece alguém que faça planos.
Alguém que esteja disposto a tratá-lo da maneira como você trata todos os outros.
Você merece alguém que dirigiria quatro horas apenas para vê-lo por um momento.
Você merece alguém que queira conhecer todos que fazem parte de sua vida.
Alguém que se preocupa em construir relacionamentos com seus amigos.
Você merece alguém com boas maneiras.
Você merece alguém que mostre que o cavalheirismo não é desatualizado ou antigo.
Mas algo que está tentando fazer acontecer novamente.
Você merece alguém que o busque e o leve para casa, após um encontro.
Alguém que o beije no primeiro encontro.
Alguém que mande mensagem dizendo que teve uma ótima noite e se preocupou em saber de você.
Você merece alguém que mantenha sua palavra.
Alguém que apareça a tempo.
Alguém que lhe mande flores apenas porque quer que você saiba que está pensando em você.
Você merece alguém que se importe.
Alguém que nunca deixe de mostrar isso.
Você merece alguém que se lembre dos detalhes do que lhe diz.
 Alguém que realmente lhe ouça.
Você merece alguém que trabalhe para construir confiança, pois sabe o quanto isso é importante.
Mas nesta geração, esperamos menos das pessoas.
Somos uma geração obcecada por conexão online, mas emocionalmente estamos extremamente desconectados.
Porque talvez essa pessoa esteja falando com você, mas não apagou seu aplicativo de namoro.
Talvez vocês passeiem todos os fins de semana e noites, mas ela não vai chamá-lo de namorado/namorada.
Talvez você saiba tudo sobre seus amigos, mas ela não conhece você.
Talvez essa pessoa lhe compre uma cerveja, mas não vai te levar a um jantar ou a um encontro real.
Não se trata apenas de se encontrar em algum lugar tarde da noite, trata-se de reservar um momento do seu dia para gastar com alguém que não tenha medo de admitir que se preocupa.
Você merece mais do que alguém que faz jogos. Porque qualquer um que o deixe confuso, não é o suficiente para você.
Não se conforme com alguém que tem medo da palavra “relacionamento”.
Você merece alguém cujos atos de bondade são genuínos, e não uma maneira de ganhar outra coisa.
Alguém que o trata bem mesmo depois de já tê-lo “ganho”.
Você não merece alguém cuja palavra não pode confiar.
Que diz uma coisa e faz outra.
Você merece alguém que esteja feliz por tê-lo, que mal pode esperar para apresentá-lo aos seus amigos e familiares.
Você merece alguém que não tema o futuro, mas queira que você seja parte dele. 
Não se conforme com qualquer amor.
Não se esqueça de como você merece ser tratado.
E se alguém lhe disser que suas expectativas são muito altas ou pouco realistas, não mude, porque alguém o entenderá.


Luiza Fletcher-Tradutora da equipe O Segredo!

16 comentários:

Elisabete disse...

É tudo verdade!
Bjs

Lucinalva disse...

Olá Bell
Linda postagem, bjs.

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Bela postagem Bell e bem reflexiva,para que possamos dar mais amor a nós.
Bjs e uma linda semana.
Carmen Lúcia.

✿ chica disse...

Nunca podemos esquecer disso.LINDO! bjs, ótima semana,chica

Ivone disse...

Realmente, muito bem lembrado!
Amei ler!
Abraços apertados!

lua singular disse...

Oi Belzinha
Eu tenho tudo isso e é por isso que persisto em viver que morrer
Beijinhos
Lua Singular

Célia Rangel disse...

De pleno acordo!
Dar e receber amor qualificado, dedicado sem neura alguma. Há que haver plena cumplicidade.
Abraço.

Cidália Ferreira disse...

Grande texto! Grandes verdades!

Beijo e uma excelente semana.

Roselia Bezerra disse...

Olá,queird aBell!
Tão bom ter um amor que sugere seu post!
Seja feliz e abençoada!
Bjm de paz e bem

Anete disse...

É bom pensar neste texto. Precisamos nos valorizar e viver uma vida de dar e receber (respeito, compreensão e sinceridade)... Relacionamento sem compromisso não vale a pena.

Bj e boa noite

Sérgio Santos disse...

Que bonito, Bell. Bonito e verdadeiro. bjs

Rita Norte disse...

Um ótimo texto, nunca devemos contribuir para a nossa infelicidade e se aceitarmos amor pela metade nunca seremos felizes por inteiro.
Beijinho

Andre Mansim disse...

Linda postagem, e é tudo verdade mesmo.
Gostei muito do seu blog, vou colocar nas minhas indicações, lá no V&B.

Um beijão!

Ana Freire disse...

Um post espectacular, Bell!
Para ler, reler... e interiorizar...
Belíssima partilha! Beijinhos
Ana

Liduh - In love with disse...

Ótima reflexão e bela mensagem, Bell;)
Bjs!

Ciça Costa disse...

Incrível.
Acho que precisava de uma leitura como essa hoje.

Parabéns pelo blogg :)

Bjs,

Ciça

https://cecisouza.blogspot.com.br/